Buscar
  • Ibbn

JESUS, SENHOR DESTA VIDA E DA ETERNIDDADE

Atualizado: Mai 8

Por Pr. Carlos Henrique - Mensagens Diárias de 30/04/2021

Nos dias de Jesus, existiam pessoas que, mesmo religiosas, não acreditavam na vida após a morte, como foi o caso dos sacerdotes saduceus. O apóstolo Paulo escreveu o capítulo 15 de sua primeira carta aos corintos ensinando que ressurreição é uma realidade e um dos pilares da fé cristã, pois Jesus ressuscitou e trouxe a vida eterna. Inclusive disse que, em virtude de sua missão de pregar a mensagem do evangelho, ele, Paulo, enfrentava a morte todo dia, pois sabia que a morte não era o fim.

No verso 19 ele deixa um alerta:

“Se nossa esperança em Cristo vale apenas para esta vida, somos os mais dignos de pena em todo o mundo” (1Coríntios 15:19)

Gosto da tradução da Bíblia Viva que diz assim:

“E, se o fato de sermos servos de Cristo só nos traz esperança para esta vida, então somos os mais infelizes de todos os homens” (1 Coríntios 15:19).

Nestes dias, quando a morte se tornou tão presente em nossa sociedade e que clamamos a ajuda e proteção do Senhor, precisamos entender que a vida não termina aqui, que há vida após a morte e que Jesus é o Senhor na eternidade também.


O apóstolo Paulo traz esse ensino sobre a vida após a morte, também, na primeira carta que escreveu ao tessalonicenses. Muitos estavam tristes com a morte dos seus irmãos cristãos e é por isso que ensinou sobre a ressurreição e a vida eterna recomendando: “Consolem-se uns aos outros com essas palavras” (1 Tessalonicenses 4:18).


Quando aceitamos a Jesus como Deus encarnado, que veio morrer na cruz, pagando a penalidade por nossos pecados, recebemos o perdão e fazemos dele o nosso Salvador e, também, o Senhor de nossa vida aqui neste mundo, mas também o nosso Senhor na eternidade. Ou seja, na eternidade estaremos com ele cuidando de nós.


Que as famílias dos nossos irmãos e irmãs enlutadas consolem-se com isso.