Buscar
  • Ibbn

QUANDO DEUS ESTÁ NO COMANDO

Por Pr. Carlos Henrique - Mensagens Diárias de 17/12/2020

O profeta Elias foi um dos grandes homens de fé usados por Deus, conforme narrativa do Antigo Testamento. Sua história na Bíblia começa com o confronto com um dos reis de Israel que permitiu que o povo se afastasse de Deus, o rei Acabe, cuja esposa se chamava Jezabel, seguidora de um deus pagão. Deus, por intermediação do profeta, enviou uma seca para a região e, em consequência, houve escassez de alimentos e o próprio profeta se viu sofrendo as consequências. O que me chamou a atenção nesta história foi a maneira como Deus cuidou dele. A narrativa diz assim: “Vá imediatamente para a cidade de Sarepta de Sidom e fique por lá. Ordenei a uma viúva daquele lugar que lhe forneça comida”.(1 Reis 17:9).


Vejam que Deus usou uma viúva, pobre e que estava, também, com pouca comida, e ainda por cima, uma estrangeira que não pertencia ao círculo do povo de Deus, mas a uma nação com uma religião pagã. Deus, pela intermediação do profeta, fez um milagre e multiplicou o azeite e a farinha na casa da viúva, provendo alimento para ela e para o profeta. O que vemos aqui é Deus agindo e usando a instrumentalidade humana, seguidora ou não dele, para cuidar daqueles que o temem.


Vivemos tempos difíceis em que a capacidade humana encontrou seus limites, como é o caso do combate ao novo coronavírus e à COVID-19. São em ocasiões assim que precisamos confiar na intervenção de Deus, seja fazendo milagres ou capacitando pessoas, não importando quais sejam, para cuidarem da obra máxima de suas mãos, o ser humano. Precisamos orar pedindo a Sua ajuda e aceitar a ajuda que ele enviar.

6 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

Existe uma frase atribuída a Louis Pasteur, que diz assim: “Um pouco de ciência nos afasta de Deus. Muito, nos aproxima”. Nos dias atuais, quando todos têm acesso a todos os tipos de informação, algun

Um dia, um homem procurou a Jesus querendo saber o que deveria fazer para conseguir a vida eterna. Jesus o orientou a guardar os mandamentos da Lei, vender tudo o que tinha, dar o dinheiro aos pobres

Temos pela frente mais um ano de eleições e, ainda por cima, polarizadas. Classificar algo, seja o que for, em apenas dois grupos faz com que se perca a riqueza da diversidade. Deus valoriza a diversi