Buscar
  • Ibbn

BOLO MATA-CÓLICA

Atualizado: Mai 21

Por Melissa Fernandes - Vivencias da Quarentena.

Dentre as diversas coisas que Deus tem me ensinado durante esse período de quarentena, o amor, com certeza, é o que mais tem me constrangido.


Hoje acordei bem cedo com crise de cólica. Fazia bastante tempo que não tinha essas dores insuportáveis, a última vez foi antes de ir para o intercâmbio. Fiquei bem assustada. Era como se algo estivesse me esmagando por dentro, a ponto de vomitar de dor, não havia posição nem nada que fizesse para trazer alívio. Tomei um remédio, deitei em minha cama, olhei meu celular e havia mensagem de alguns amigos. Ana Julia era um deles. Ela estava perguntando se eu estava bem e contei sobre o que aconteceu. Horas mais tarde estava no meu quarto, falando com O Senhor, sendo franca, em lágrimas. Com medo, apreensiva, ansiosa e assustada em meio ao processo; correr pros braços do Aba sempre é o melhor refúgio e ali estava eu. A promessa do Senhor em Jeremias 29 é que se O buscarmos de todo coração, O encontraremos. Ele deixará ser encontrado por nós. Por quanto tempo deixamos de buscar verdadeiramente ao Senhor e passamos a viver uma vida de religiosidade? De conformismo? Prepotência e soberba? A soberania de Deus permitiu que houvesse essa pandemia e o que tem sido relevante para nós durante esse tempo? Nós verdadeiramente O adoramos em Espirito e Verdade ou dependemos do lugar de adoração (igreja) para exercermos nossa fé e ler a nossa bíblia? Se colocar aos pés do Senhor, que nos vê em secreto, em um ato de devoção, arrependimento e reconhecimento de que sem Ele não somos nada é para quê o Senhor tem nos chamado...


Voltando à história, passado algum tempo, minha mãe entrou no meu quarto e disse “Mel, Ana está lá embaixo. Tem uma surpresa pra você”. Bom, as lágrimas já corriam soltas... Hahahaha


A Ana não tem dimensão que o bolo ‘mata-cólica’ não foi só um bolo. Não foi só um gesto de amor. Não foi só ela (mais uma vez) provando a amiga/irmã incrível que ela é. Não foi só uma forma de fugir da quarentena pra matar a saudade e podermos nos ver, mesmo que a 1 metro de distância e sem abraços. Foi Deus, diretamente, demonstrando seu amor e cuidado. Foi Ele falando através da vida dela: “Eu estou no controle, eu zelo pelo seu coração e estou cuidando de você. Você só Me ama, porque Eu te amei primeiro. Nada foge do meu controle e tudo você pode por meio de Cristo, que te fortalece. Seja na dor ou na alegria, na pobreza ou na prosperidade, sou eu quem sei os planos que tenho sobre você. Seu coração faz tantos planos, mas Sou eu quem dou a última palavra. Coleto suas lágrimas em meu odre e não rejeito um coração quebrantado e contrito. As muitas águas não poderiam apagar e nada pode te separar do Meu amor.”


O amor é mais sobre o próximo do que sobre você. O amor é sobre entrega, demonstração, dedicação, permanência. Que nesse período de distanciamento social, venhamos a nos aperfeiçoar no amor. Nada pode nos separar do amor dEle e nada prevalece além do Amor. Vamos trazer à memória o que nos dá esperança, e isto é o amor. Desafio você a fazer um gesto de amor por alguém, uma ligação de vídeo, um ato de afeição, uma mensagem, uma carta, qualquer demonstração de amor. A relevância que isso pode ter na vida de alguém é indescritível, assim como tenho certeza de que Ana não tem ideia do quanto significou pra mim. Em tempos de distanciamento físico, não significa que devemos nos afastar daqueles que amamos. Lembre-se, o amor não é sobre você, é sobre o próximo.

0 visualização
LOGO CONVENÇÃO.png
CONVENÇÃO 
BATISTA BRASILEIRA

tel. (65) 3628 2130

email: contato@ibbn.com.br

IGREJA BATISTA BOAS NOVAS

Av. Fernando Correa da Costa, 3155

Boa Esperança, Cuiabá, Mato Grosso, Brasil

© 2020 IGREJA BATISTA BOAS NOVAS - Min. Comunicação                                                                                                                                      versão: beta